Cidadania visita Cia de Teatro, Espaço Cultural e Associação Arueiras do Brasil

Entidade promove teatro abordando temas como preconceito e inclusão social

Data de publicação: 18/2/2022

Em mais uma semana de visitas produtivas a associações de Praia Grande, a Subsecretaria de Ações da Cidadania da Prefeitura conheceu de perto o trabalho da Cia de Teatro, Espaço Cultural e Associação Arueiras do Brasil, uma das primeiras companhias do Estado a desenvolver o projeto Teatro Educação (projeto escola), levando à cena discussões como preconceito, sexualidade, inclusão social e educação ambiental.

Durante a visita na tarde de quinta-feira (17), a Cidadania conheceu de perto as instalações do Espaço Cultural que conta com um repertório de 18 espetáculos infantis e mais de 130 músicas compostas para espetáculos teatrais. No ano de 2020, a Cia teve vários projetos contemplados pela Lei Aldir Blanc de Praia Grande e do Estado de São Paulo.

A presidente da Associação, Delba Baraldi, agradeceu a visita da Cidadania e destacou o suporte que o setor ofereceu à entidade desde o primeiro momento em que procurou, em 2019. “Já existia a Companhia de Teatro e o Espaço Cultural e estávamos nos organizando para criar a Associação Arueiras do Brasil e, com isso, poder desenvolver projeto sociais através de parcerias. Chegamos na Cidadania e fomos muito bem recepcionados, e isso foi fundamental para resolvermos a regularização de forma simples. Na época, graças a atenção da Cidadania, promovemos o Auto de Natal com todo o suporte que compete à Prefeitura”.

A Cidadania auxiliou a entidade com ata, estatuto e cadastro junto à Prefeitura. Para o subsecretário de Ações e Cidadania, Claudino Pacheco Filho, o Tico, é sempre gratificante quando o setor recebe esse reconhecimento de associações. “O projeto Arueiras do Brasil tem visibilidade em diversas Cidades do Estado e do País, por ter desenvolvido espetáculos culturais reconhecidos. Para nós da Cidadania é uma honra ter contribuído para a fundação da Associação aqui em nossa Cidade. Estamos à disposição para somar no que for preciso para que a Associação desenvolva novos projetos em Praia Grande”.

Presente na visita, a vice-presidente, Arlete Ramello, também destacou: “A companhia de teatro existe há 30 anos e foi fundada no interior do Estado de São Paulo, mas já criamos raízes em Praia Grande há 20 anos. Com essa proximidade, queremos trabalhar mais na Cidade, estreitar laços. Com a Associação, nossa intenção é ampliar projetos sociais, além de disponibilizar esse espaço de teatro, com alugueis e parcerias. Por enquanto, cobramos um valor acessível nos nossos cursos e oficinas, pois precisamos custear as despesas”.

Conheça o trabalho – A Cia de Teatro Arueiras do Brasil existe há 30 anos promovendo arte, divertindo, informando e conscientizando a serviço da cultura, educação, cidadania e meio ambiente. A sede fica na Avenida Irmãos Adorno, nº 44, sala 01, no Bairro Sítio do Campo, em Praia Grande.

O Espaço foi inaugurado em 2014 e, desde 2015, a Associação começou a contribuir com o crescimento da Cidade e somar no atendimento das necessidades de artistas e população, oferecendo oficinas e atividades artísticas, intercâmbios culturais, apresentações de teatro, música, dança, tanto nas dependências do Espaço como também ao ar livre.

Os espetáculos da Cia circulam desde 2003 em unidades do SESC da Capital e interior do Estado. No ano de 2007, a Cia teve um de seus espetáulos, “A Centopeia Judite”, adaptado pela TV Cultura para a série teatro Ra Tim Bum.

Entre os principais espetáculos, destaque para a “A Água que fugiu do lago”, a “Centopeia Judite”, que circularam nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Tocantins e Manaus; além da “Princesa higiene e o príncipe meio ambiente”; e “Sonhar, poupar, conquistar”, um espetáculo que dá aula de educação financeira e foi selecionado em primeiro lugar no Proac do Município de São Vicente.